• Rodolfo Oliveira

Entenda como descobrir se seu negócio realmente te faz feliz

Como seria a sua vida se você acordasse todos os dias sabendo o que precisa fazer para realizar o seu propósito, fazendo o que ama e ainda sendo remunerado por isso?


Ikigai… O nome pode até ser estranho, mas é uma ferramenta de autoconhecimento que aborda diversas áreas e intercessões da vida pessoal.


Porém, o mais interessante disso tudo é que isso também se aplica a vida profissional. Portanto, podemos saber se realmente somos felizes com nosso negócio ou carreira.


Mas não confunda com propósito. O Ikigai envolve um processo reflexivo de autoconhecimento, que é simples de implementar e pode trazer insumos valiosos em qualquer fase da carreira.

Como saber se ABRIR UM NEGÓCIO é o que vai te fazer feliz?

O Ikigai te ajuda a entender o POR QUE você quer aquilo que você está buscando. E saber disso traz uma motivação constante e verdadeira, pois todos os dias quando você acorda, sabe o real motivo de estar perseguindo seus sonhos.

É diferente daquela “empolgação” que você sente quando vê uma frase motivacional ou escuta um belo discurso. Ou seja, se você não souber o seu grande POR QUE, nada disso vai adiantar. E encontrar o seu ikigai no trabalho vai te ajudar a ser muito mais produtivo e realizado com a sua atividade.


Para completar o seu aprendizado sobre o ikigai, veja como se aproximar dele com as seguintes dicas:

  • Invista em autoconhecimento

  • Desacelere

  • Viva o momento presente

  • Quando estiver realizando uma tarefa, procure se concentrar apenas nela

  • Lembre-se, diariamente, dos motivos de gratidão

  • Adote uma dieta balanceada

  • Pratique atividade física diariamente

  • Faça aquilo que você ama

  • Valorize as pessoas que te apoiam, como familiares e amigos.


Entender essas quatro áreas na vida é uma das rotas que os ocidentais usam para aplicar a filosofia Ikigai. No entanto, no Japão, este processo pode ser muito mais lento e, algumas vezes, não tem relação alguma com trabalho e renda.

Outro ponto interessante é que os japoneses entendem que o conceito pode mudar para cada um, de acordo com a idade. A razão de viver para uma pessoa de 20 anos pode ser totalmente diferente quando ela chegar aos 70.

O importante é sempre buscar um novo Ikigai.

Vale lembrar que essa filosofia não prioriza os resultados e, sim, a trajetória que se inicia quando decidimos encontrar um propósito de vida.

Gostou de saber mais sobre o ikigai? Deixe um comentário abaixo e compartilhe este conteúdo com sua rede de contatos.

3 visualizações
 

©2019 by Rodolfo Oliveira